segunda-feira, janeiro 22, 2007

Montalegre ...

Ora ontem fomos então à feira do fumeiro e do presunto de Montalegre.
Montalegre é de facto longe. Parece que estamos a ir para uma terra completamente fora deste país. Apesar da ligação por auto - estrada até Chaves, nota-se que Montalegre ainda não tem as acessibilidades próprias de um concelho. Saímos de Chaves por uma estrada no meio das serras onde só se vê montes.
Chegados a Montelegre optámos por estacionar logo o carro porque já se notava algum "ajuntamento" de pessoas da terra e alguns forasteiros como nós. Perguntámos aos senhores da GNR (autoridade nestes sítios) para onde é que as pessoas caminhavam com tanta pressa e com tanta alegria. Eis então que o senhor nos disse:
- o meninos é a chega de bois agora!!!!
"chega de bois" .... o que será? Então como ainda faltava um pouco fomos até ao pavilhão da feira. A dita feira, pensavamos nós que era uma feira com animação. Mas não. São apenas uns stands com pessoas a vender alheiras, bolas de carne .... presuntos e afins. Tem o seu charme mas em termos turisticos podiam ter umas barraquinhas tipo tascas. Compramos uma bola de carne e uns sumitos e fomos comer a ver a chega de bois muito ao longe.
"Chega de bois".....
Quando dois bois estão na altura da cobrição .... são naturalmente rivais. Portanto, juntam-se dois bois nessa altura e dá-se a luta. primeiro olham um para o outro e depois, o mais macho, atira-se com os cornos ao outro. Estão nisto um pouco e quando um dos bois se afasta acaba a chega de bois. Ora foi o que aconteceu. estiveram apenas uns dois minutos assim como que m luta, e depois um pisgou-se. Comentário de um transmontano que estava perto de mim: "ahhh era fraco... mariquinhas"
resumindo: a feira podia ser aproveitada para desenvolver a vila mas .... revelou-se fraca. Os fumeiros são caros como o fogo. Os bois .... coitados também são maltratados e o espectaculo da chega mais parece os tempos do gladiador.

3 comentários:

João disse...

Foi Assim tão mau ?! :))

talvez um dia nos encontremos por aí disse...

Não, joão.Eu não disse que tinha sido muito mau. Mas acho que a feira merecia outra dinâmica para o estatuto que tem. Mais espectaculo, mais barracas com "comes e bebes". Aproveitar o facto de as pessoas se deslocarem até Montalegre e prende-las um pouco mais. Assim ganhavam todos. com mais atracções as pessoas acabariam por gastar mais dinheiro. Se reparares quem chegasse á hora do almoço, como nós, não tinha um sitio para almoçar. Mas valeu a pena.

Anónimo disse...

Se procurassem um pouco viriam que nas instalações onde se relizou a feira do fumeiro existem tasquinhas de comes ebebves e animação não falta com cantares ao desafio. Vê-se mesmo que quem escreveu é um paneleirote da cidade